segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Dom de ser solteiro

Mais um dia dos solteiros chegou!!!
E este ano estou mais que bem acompanhado! Estou feliz , muito feliz!
Na vida é assim, sorte de uns, e de outros, nem tanto. Trocadilhos a parte, ser solteiro não tem nada a ver com sorte.
Com o tempo a gente aprende e tenta ensinar que é tudo uma questão de tempo, paciência e espera.
Há um ano atrás eu escrevi um texto sobre o “dom de ser solteiro” e ainda continuo concordando com muita coisa que eu disse na época.
Estar solteiro faz parte, para alguns, de um projeto de vida. Opta-se por estar solteiro e “viver” a liberdade de decisões, de gostos, enfim, de vida. O que não implica em “estar” sozinho ou viver solitariamente.
Viver solteiro não é sinônimo de viver isolado ou sozinho.
Figura-se aqui o solteiro que não está “namorando” ou “casado”. Aceita-se para o “hall” dos solteiros aqueles que não possuem compromisso com alguém. (sobre compromisso, já falamos bastante nos textos anteriores, dispensando maiores considerações).
Lembro-me aqui de algumas frases, muito comuns e até certo ponto aceitáveis, para justificar o “estado” de solteirice que alguns escolhem:
ANTES SÓ DO QUE MAL ACOMPANHADO ou SOLTEIRO SIM, SOZINHO NUNCA!
As duas frases expressam um desejo claro de viver a própria liberdade. De viver o “dom” de ser solteiro.
É certo que relacionamentos são cada vez mais complicados hoje em dia. E isto também afeta na escolha desse estado de vida, pois estar com alguém só para não estar no time dos solteiros não compensa. É enganar a si mesmo e principalmente, a outra pessoa. E isso não se faz!
Há, ainda, os que não concordam e acreditam que ser solteiro é azar, ou “problema”. Rss.. e por isso tentam de tudo, a todo custo, mudar essa situação.
Sendo dom ou não, importa que ser solteiro não seja correlato de infeliz.
Eu acredito que é um momento prazeroso de se descobrir.
Descobrir o valor de si mesmo, dos amigos, da família.
Pois só alguém que: é capaz de organizar a própria vida, de ser feliz consigo mesmo, de estar de bem com o mundo pode despertar o interesse de outra pessoa sobre si.
O estado de solteirice, sendo opção ou apenas uma fase, deve ser vivido com equilíbrio, serenidade e felicidade.
Então: aproveite a solteirice, aproveite sua vida!
Seja feliz e feliz dia do solteiro!
Beijos e até a próxima.

Com carinho de sempre

Edson Flávio