sábado, 8 de maio de 2010

Minhas mães

Falar de mãe não é fácil.
Até porque mãe não se explica.
Tem-se ou não.
E só quem tem sabe o que é ter e, infelizmente, quem não tem só sabe o que é não ter.

Das muitas coisas na minha vida uma sou grato ao “cara lá do céu”: tenho várias mães!!!
Se ter uma mãe é bom, imagine ter várias.

Apenas uma gerou-me, até por que não poderia ser gerado por mais de uma..
Dona Cida minha progenitora, a primeira que tocou, ou melhor, a quem eu toquei, mas vá lá... que eu chutei por longos nove meses..rss.
Enfim, eis o rebento! Que arrebenta com ela até hoje.
Amo-te mãe. Obrigado por tudo até aqui.
Bom, queira ela ou não, Dona Cida divide suas funções de mãe com outras mulheres.

Das mães do coração às mães do intelecto todas são, no mais taxativo termo, mães pra valer!

As mães do coração, mães do espírito ensinaram-me que a vida nem sempre é fácil, mas que um sorriso no rosto é fundamental.
Ensinaram-me que lutar é preciso, que perder acontece e que a vitória não se comemora sozinho.
Disseram-me que ser homem:
Implica em ser sério, mas não mal humorado.
E que respeito se conquista, à medida que se respeita.
E ser espiritual não é ser alienado.

As mães do intelecto, as mães das letras, da ciência, da razão.
Elas, assim como as outras mães, sempre presentes, sempre mães.
Delas aprendi que um homem não deve desistir dos seus sonhos. Mesmo os mais loucos, os mais impossíveis.
Delas aprendi:
Que a ciência não remove a fé. Mas que a fé move o homem.
Que nem sempre a minha idéia era a ideal.
Acreditar em mim, no que eu posso entender e no que eu não posso mudar.

O bebê de 30 anos atrás só é o homem de hoje graças a todas estas mães:
A minha mãe Dona Cida,
As minhas mães do coração
As minhas mães do intelecto.

Nem mais, nem menos, na medida certa: MINHAS MÃES!

Amo cada uma em particular e hoje apenas um dia a mais pra dizer o quanto és especial.
Edson Flávio
Seu filho

13 comentários:

  1. Grande Edson, como sempre um mago com as palavras...parabens meu amigo. abraços

    ResponderExcluir
  2. Ai lindo.. e d. cida parabens pela criatura linda que vc fez!

    ResponderExcluir
  3. Texto lindíssimo, parabéns amado, vc arraza em tudo o que faz e em tudo o que escreve. bjus.

    ResponderExcluir
  4. adoreiiii o texto, vc tem razão so quem tem sabe o que é!!!!
    Diego

    ResponderExcluir
  5. Oiii! hehehe ... menino, sempre com seus textos showsacionais ... rsrs ... Eu sei bem o que é ter mtas mães, tenho três. Agradeço a Deus toooodos os dias pelas minhas mães, são pessoas maraavilhosas, amo demaaaais essas mulheres!!

    P.S. Feliz Dia das Mães para sua mamãe !!!

    ResponderExcluir
  6. Chará, vc como sempre surpreendente..
    Parabesn meu amigo...
    Abraços a vc e a sua mae..

    ResponderExcluir
  7. Adorei... Parabéns pela msg
    Bjokas

    ResponderExcluir
  8. Poesia direcionada, podre....

    ResponderExcluir
  9. Pensar mãe é isso:sabê-las presente na vida, sempre! tanto ao céu, tanto ao mar, tanto ao ar... puro fluido! Orgulho-me delas todas porque, como você, também tenho muitas e alguns pais... todos me completam... Amei! Amém!

    ResponderExcluir
  10. Muito bom paiê, quando crescer quero ser igual a vc, bjao , saudades!!!

    ResponderExcluir
  11. Hebertt Villarruel10 de maio de 2010 07:30

    Bacana o texto, meu caro...com certeza as mães merecem todas as homenagens que lhes rendemos. Um abração a dona Cida, e a minha mãe Maria, que nestes ultimos meses, me fez entender de fato: o que é o apoio de uma mãe! Valeu Edson, continue assim sempre: "armado de palavras".

    ResponderExcluir
  12. Oi meu linduuu! Que lindas palavras adorei..só
    poderia ter vindo de uma alma tão nobre e sensível como a sua! Bjoka no coração!

    Adilmira Reis

    ResponderExcluir
  13. Sirlei Lourenceto11 de maio de 2010 12:49

    Oi edson flavio, mto bom te conhecer e conhecer um pouco mais da tua capacidade criativa.
    Linda a mensagem, justa homenagem às mães e mulheres da tua vida.
    Somente uma pessoa iluminada como vc seria capaz de algo tão especial.
    bjs.
    Sirlei Lourenceto

    ResponderExcluir