sábado, 21 de agosto de 2010

Monte Santo

É longe o lugar onde minha alma repousa.
Qual águia que refugia-se nas alturas e sucumbe aos poucos frente a solidão do abismo, encontro-me só e distante das coisas que amo.

Na verdade não amo as coisas.
Amo o microcosmo das coisas.
A náusea do não ser,
do não estar.

A ausência daquilo que eu poderia ter sido e não, nunca fui.

É sofrivel o bastante e sei que, deverasmente, deveria encontrar algo.

Mas o que busco?

Perco-me na busca insensata de falta de sensatez.

Procuro, na verdade, o sentido das coisas.

A saudade seca meus póros, estria meus nervos, disseca-me.
Corrói meus ossos.
Aniquila.

É sexta-feira-santa e aos pés do monte santo procuro, em meio há tantas cruzes, aquela que possa me servir.

A Cruz = O Caos.

A noite fria e triste desses dias custa a passar.

Só não passa a vontade de ter você aqui.
Vontade que vem forte,
rouba a sanidade dos pensamentos.

Há uma morbidez de sentimentos espatifando tudo em mim.

Amo.

Apenas isso.

----

Beijos galera, bom domingo e ótima semena pra todo mundo!

Edson Flávio

8 comentários:

  1. Flávio muito bom!! Saudade é um sentimento gostoso porém corrosivo mesmo, Amo. Apenas isso. Simplesmente maravilhoso.
    Otima semana para todos nós .. Parabéns

    ResponderExcluir
  2. Edson
    Primeira vez que visito o blog...

    Muito lindo
    Parabéns!!

    PS:POsso usar num teste?Claro que dando os devidos créditos
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Lindo, Edson me identifiquei muito com esse texto,desde muito cedo, a saudade é um sentimento muito constante em minha vida, com relaçao a amigos, parentes, lugares, mas é confortante saber que se tem por quem e pelo que sentir saudade, quem nunca sentiu a dor da ausencia, tambem nao deve ter desfrutado da alegria da presença. Só se tem saudade do que é bom...bjos

    ResponderExcluir
  4. Flavinho!
    Eu ja li em algum lugar:"Saudade é o amor que fica". Uma interpretação tão simples e tão verdadeira quanto à maneira como escreves...como escancaras tua alma em nome do amor!!!!!!!!!!!!!!!!
    Teus textos sempre me emocionam!

    ResponderExcluir
  5. Bom dia meu querido!
    Realmente a dor da saudade é algo impressionante e que muitas vezes não conseguimos nos livrar, simplesmente um momento e ali está ela a nos torturar, lançando-nos novamente no vazio.

    Só não entendi o que significa cruz=caos.

    Grande abraço meu querido e DEUS te espera e também tem muita saudade de ti.

    ResponderExcluir
  6. Querido Marcos... Cruz = Caos é um silogismo para explicar o sofrimento. E que Nietzche vai dizer que só do caos é possível brotar a arte/alegria. Para nascer a esperança, precisa-se do caos.
    Obrigado pelo carinho amigo. Saudades de vc!

    ResponderExcluir
  7. Amigo ! Desculpe a demora no coment ! Adorei esse texto...apesar q tive q ler umas 5x pra entender...rs...bjs...♥

    ResponderExcluir